Nesse artigo iremos aprender:

businessMeeting

A pesquisa anual da empresa Urban Systems sobre as melhores cidades para fazer negócio traz seis cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC) no ranking nacional das 100 melhores de 2019. Campinas ocupa a 13ª colocação, seguida por Indaiatuba (14ª), Paulínia (30ª), Itatiba (53ª), Valinhos (70ª) e Hortolândia (90ª). O levantamento considera dados de quatro indicadores: desenvolvimento econômico, capital humano, desenvolvimento social e infraestrutura.

Na categoria de desenvolvimento econômico, o foco é recorte financeiro das cidades. Para isso, foram computadas informações sobre o comércio exterior (importação e exportação), diversidade econômica e empreendedorismo. Neste quesito, entre as cidades da região, Indaiatuba é quem ocupa a melhor posição, na segunda colação geral, atrás somente de Barueri (SP). Valinhos e Itatiba, na 10ª e 32ª posição, respectivamente, também são destaques. Campinas aparece na lista na 58ª colocação.

Indaiatuba registrou no último ano crescimento de: 0,5% nos empregos formais; 3,4% na frota de veículos; 24% nas importações; 7% nas exportações; e 23% nas microempresas individuais. Segundo o estudo, a cidade se destacou também por conta do índice Firjan de Gestão Fiscal de 0,8277 (considerado alto).

Quando analisado os dados sobre capital humano, que mede avaliadas questões sociodemográficas, econômicas e do setor de educação, em diferentes níveis de ensino, Campinas ocupa a 25ª colocação. Paulínia ocupa a 39ª posição, seguida por Americana — que está fora dos ranking das 100 melhores cidades para se investir — em 53º lugar.

Desenvolvimento Social

No ranking de desenvolvimento social, o critério de avaliação fica por conta do desempenho dos negócios na cidade, com base em indicadores demográficos e econômicos, de educação, de saúde e de segurança. Valinhos teve o melhor desempenho da RMC, com a 5ª no Brasil. Campinas aparece na 47ª colocação, atrás de outras cidades da região como Itatiba (9ª), Paulínia (38ª), Santa Bárbara d’Oeste (42ª), Americana (43ª) e Indaiatuba (44ª).

Já na categoria infraestrutura – distribuição de água à telecomunicação – a RMC se destaca emplacando quatro cidades entre as 20 melhores. Campinas é a terceira no ranking, atrás somente de São Paulo e Guarulhos, respectivamente. Itatiba (11ª), Valinhos (15ª) e Indaiatuba (19ª) completam a lista das cidades mais bem colocadas no segmento.

Você que é empresário e empreendedor e está pensando em aproveitar esta oportunidade para abrir uma empresa na região de Campinas, a Contmais Assessoria Contábil possui uma equipe altamente treinada e capacitada para lhe dar total assessoria empresarial para que você possa investir de forma tranquila e dentro das leis.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos